Plante uma sementinha de altruísmo

20 Dez 2018

“Cuz ultimately, what we take will always disappear
But what we give will live on for years
So keep giving, of your stuff and yourself
Until your ego, has completely melted”

 

Na música Graduation, os Empty Hands passam a mensagem de que o que damos permanecerá no tempo, ao contrário daquilo que compramos ou temos. Assim, fazem um convite ao altruísmo e à pessoa que É, ao invés de à pessoa que TEM - contrastando com o individualismo experienciado na nossa sociedade, que cria adolescentes focados em si e esquecidos das pessoas que os rodeiam.

Curiosamente, investigações recentes na área da adolescência e do altruísmo têm mostrado que responder SIM a este convite está positivamente correlacionado com bem-estar e um funcionamento psicossocial ajustado nos adolescentes. Enquanto pais, educadores ou treinadores cabe-nos este desafio de estimularmos os adolescentes a saírem de si e a voltarem-se para o mundo, alargando-lhes horizontes, tornando-os conscientes do poder que têm nas suas mãos para transformarem a vida dos outros através de pequenas atitudes altruístas - que por extensão melhoram as suas próprias vidas.

Mas como nutrir nos adolescentes comportamentos pró-sociais, de ajuda e benefício ao outro, quando eles tendencialmente se fecham? Deixamos algumas dicas:

  • Modelar - se os adolescentes nos virem a fazer gestos altruístas pelos outros é muito mais provável que também o façam (p.e., uma pessoa idosa está a ter dificuldade a sair do táxi, vai na rua cheio de pressa, apercebe-se disto e desvia-se momentaneamente do seu rumo para a ajudar, a pessoa agradece e sorri, os adolescentes que passavam ou que iam consigo vão ficar com o seu gesto fotografado nas suas mentes)
  • Encorajar - os adolescentes têm áreas de que gostam particularmente, incentive-os a partilhar esses talentos com os outros (p.e., se um adolescente tem boas competências a matemática desafie-o a tutoriar um colega que tenha mais dificuldades, se tem uma aptidão natural para estar com crianças motive-o a tomar conta de primos, filhos de amigos ou conhecidos quando os pais precisarem)
  • Dar - dar de si, do seu tempo, dos seus talentos a uma causa que seja significativa para si, ser voluntário com sentido e significado convidando os adolescentes que o rodeiam a ir consigo ou a perceberem que causa gostariam de ajudar tornando-se também eles voluntários.

Os gestos altruístas estão na solidariedade, no voluntariado e podem desenrolar-se em cada momento do nosso dia, não existe um espaço ou tempo certo. Que nesta época natalícia possamos plantar uma sementinha de altruísmo nos nossos adolescentes. Eventualmente ela florescerá.

Eliana Silva



(Photo by Nakota Wagner on Unsplash)